Miradouro do gigante Penedo Durão

Da primeira vez que lá fui, num dia frio de Inverno dos meus dezassete anos, impressionou-me a fúria da corrente do rio, a abundância de aves que pelo tamanho me pareciam irreais, e, porque cenários daquela grandeza, só os conhecia do cinema. Voltei lá no final dos anos 60 e foi uma decepção: em vez…

Ler Mais

Rias que salvam animais selvagens

O RIAS é mais conhecido como um hospital de animais selvagens inserida na zona protegida da Quinta de Marim, em Olhão.

Ler Mais

O casal perfeito: o Priolo e a Laurissilva

O priolo e a Laurissilva formam uma parelha indissociável e rara. São também um projeto de conservação e desenvolvimento local em curso nos Açores e que é apontado como exemplo a nível internacional.

Ler Mais

Lagoa Pequena em Sesimbra é refúgio das aves

No dia em que visitei Lagoa Pequena assisti ao primeiro voo de uma garça real. Um voo muito pequeno e muito atribulado porque quase não saiu do ninho.

Ler Mais

Viu a abetarda no campo branco?

A abetarda é uma ave que gosta de planícies cerealíferas, alguns chamam estepe cerealífera ou planícies de palha.

Ler Mais

Sagres: a escola do descobrimento das aves

Sagres foi sempre um lugar especial. Espaço sagrado de várias civilizações, o fim do Mundo para uns ou o princípio da globalização.

Ler Mais

O Douro Internacional é mais bonito que o rio que corre pela minha aldeia

Miguel Torga num miradouro, a olhar para o rio Douro, escreveu que “não é um panorama que os olhos contemplam: é um excesso da natureza”. A frase aplica-se por inteiro quando o rio percorre a primeira centena de quilómetros em Portugal. Pelo meio de arribas escarpadas, com dezenas de metros de altura, onde o homem…

Ler Mais